Páginas

16 de janeiro de 2004

Demiti Meu Estagiario

DIÁRIO DE UMA ADVOGADA

23 de Fevereiro - Demiti Meu Estagiário

Era meu aniversário de 37 anos, meu humor não estava lá muito bem.

Naquela manhã, ao acordar dirigi-me à cozinha para tomar café na expectativa de que meu marido dissesse: "Feliz aniversário, querida".

Mas ele não disse nem bom dia...

Aí pensei: "Esse é o homem que eu mereço!"

Mas continuei a imaginar: "As crianças certamente lembrarão".

Quando elas chegaram para o café não disseram nem uma palavra.

Saí bastante desanimada, mas senti-me um pouco melhor quando entrei no escritório e meu estagiário, disse:

-Bom dia Dr.ª, Feliz Aniversário!

Finalmente alguém havia lembrado.

Trabalhei até o meio-dia, quando o estagiário entrou na minha sala dizendo:

-Sabe Dr.ª... Está um dia lindo lá fora, e já que é o dia do seu aniversário, poderíamos almoçar juntos, só a senhora e eu.

Aceitei, fomos a um lugar bastante reservado.

Divertimo-nos muito, e no caminho de volta ele sugeriu:

-Dr.ª, com esse dia tão lindo, acho que não devemos voltar ao escritório. Vamos até o meu apartamento, e lá tomaremos uma bebida.

Fomos então para o apartamento dele, e enquanto eu saboreava um Martini ele disse:
- Se não se importa eu vou até o meu quarto vestir uma roupa mais confortável.
-Tudo bem, respondi, fique à vontade.
Decorridos mais ou menos cinco minutos, ele saiu do quarto carregando um bolo enorme, seguido de meu marido, meus filhos, amigas e todo o pessoal do escritório... Todos cantando, "Parabéns a você...".

" E LÁ ESTAVA EU, NUA, SEM SUTIEN NEM CUECAS, DEITADA NO SOFÁ DA SALA..."

Sem comentários: