Páginas

3 de julho de 2004

O discurso de Durao Barroso

Segue o discurso do Durão antes das eleições:


No nosso partido político cumprimos o que prometemos!

Só os tolos podem acreditar que

não lutaremos contra a corrupção.

Porque se há algo certo para nós é que

a honestidade e a transparência são fundamentais

para alcançar os nossos ideais.

Demonstraremos que é uma grande estupidez achar que

o futebol continuará a influenciar o governo como noutros tempos.

Asseguramos sem sombra de dúvida que

a justiça social será o principal objectivo das nossas acções.

Apesar disso, ainda existem idiotas que fantasiam que

se possa continuar a governar com as artimanhas da velha política.

Quando assumirmos o poder, faremos o impossível para que

se acabem os privilégios e as negociatas.

Não permitiremos de modo nenhum que

continuem as listas de espera nos hospitais e

que as nossas crianças morram de fome.

Cumpriremos os nossos objectivos mesmo que

os recursos económicos se esgotem.

Exerceremos o poder até que

Compreendam que

Somos a 'nova política'."



Volte agora a ler o mesmo texto, mas de baixo para cima (abstraindo da pontuação).

Sem comentários: