Páginas

10 de fevereiro de 2005

Ser TUGA e'....


Levar o arroz de frango para a praia.

Guardar aquelas cuecas velhas para polir o carro

Criticar o governo local mas jamais se queixar oficialmente.

Ladies night à quinta.

Ter tido a última grande vitória militar em 1385.

Enfeitar as estantes da sala com as prendas do casamento

Guiar como um maníaco e ninguém se importar com isso.

Viajar para qualquer país e encontrar outro Tuga no restaurante.

Ter folclore estudantil anual por causa das propinas.

Ninguém saber nada do nosso país excepto os Brasileiros e os Espanhóis que gozam dele.

Levar a vida mais relaxada da Europa, mesmo sendo os últimos de todas as listas.

Ter sempre marisco, tabaco e álcool a preços de saldo.

Receber visitas e ir logo mostrar a casa toda.

Dar os máximos para avisar os outros condutores da polícia adiante.

Ter o resto do mundo a pensar que Portugal é uma província espanhola.

Exigir que lhe chamem "Doutor" mesmo sendo um Zé Ninguém.

Passar o domingo no 'shopping'.

Tirar a cera dos ouvidos com a chave do carro ou a tampa da esferográfica

Axaxinar o Portuguex ao eskrever.

Ir à aldeia todos os fins-de-semana visitar os pais ou avós.

Gravar os "donos da bola".

Ter diariamente pelo menos 8 telenovelas brasileiras na tv.

Já ter "ido à bruxa".

Filhos baptizados e de catecismo na mão mas nunca por os pés na igreja.

Ir de carro para todo o lado, aconteça o que acontecer.

Ter evacuado as Amoreiras no 11 de Setembro 2001.

Não ser espanhol.

Lavar o carro na fonte ao domingo.

Não ser racista mas abrir uma excepção com os ciganos.

Levar com as piadas dos brasileiros, mas só saber fazer piadas dos alentejanos.

Ainda ter uma avó que se veste de luto.

Ter a mãe ou a avó com Maria no nome.

Ir a Fátima com a família pelo menos uma vez por ano.

Viver em casa dos pais até aos 30.

Acender o cigarro a qualquer hora e em qualquer lugar sem quaisquer preocupações.

Ter bigode e ser baixinho(a).

Conduzir sempre pela faixa da esquerda.

Ter três telemóveis.

Jurar não comprar azeite Espanhol nem morto, apesar da maioria do azeite vendido em Portugal ser Espanhol.

Deixar a telenovela a gravar.

Organizar jogos de futebol solteiros e casados

Ir à bola, comprar "prá geral" e saltar "prá central"

Gastar uma fortuna no telemóvel mas pensar duas vezes antes de ir ao dentista.

Super-bock, tremoços, caracóis e marisco.

Cometer 3 infracções ao código da estrada em 5 segundos

Não ser brasileiro.

Algarve em Agosto.

Ir passear de carro ao domingo para a avenida principal.

Ser adolescente e dizer "prontos" no fim de cada frase.

1 comentário:

Anónimo disse...

SER TUGA É TER A TELEVISAO CHEIA DE GAGOS ABICHANADOS(COM UM CHEIRINHO A AZEDO , SEREM AMBULANCIAS (CARREGAM POR TRAS))