Páginas

30 de agosto de 2009

Letra de médico


Juro que não sou eu ....


..................................................................


 A Celina tinha um marido chamado João.

 A dada altura a Celina adoeceu, o João levou-a ao médico e ficou a tratar dela.

 A partir daí o João ficou com um comportamento estranho: ele era de manhã uma queca, ao meio dia outra, ao lanche mais uma e à noite mais outra.

 A Celina já estava farta daquilo e disse ao João:

 - Ó João tu não devias fazê-lo tanto comigo, olha que eu estou doente!

 Eele respondeu:

 - Eu estou a fazer o que o médico mandou, diz aqui na receita médica:

 'Pina a Celina (penicilina) 4 vezes por dia'.

Sem comentários: