Páginas

20 de outubro de 2008

Conversa edificante...

Diálogo entre o Pé e o Pénis
 
O Pé:
 
Sabe pénis, eu não me conformo com as injustiças. Eu andei pensando que você é que leva uma vida boa. Você fica aí na cuequinha de seda,  balançando para lá e para cá, todo confortável e eu aqui em
baixo só  me lixo!!! Eu fico aqui dentro destes sapatos, vivo dando tropeções  nas esquinas dos móveis, piso na merda e ainda por cima fico cheio de  frieiras e cheirando mal....
 
 
O Pénis:
 
Pois é pé, mas as coisas não são bem assim.... você está reclamando à toa. Realmente, de vez em quando eu estou aqui quietinho, tranquilo, aí começo a ouvir uma conversa meia estranha lá fora; então levanto-me para ver o que está a acontecer, então agarram em  mim, enfiam-me num buraco escuro e molhado, depois não sabem se põem ou se tiram, se põem ou se tiram, se põem ou se tiram.
Com essa indecisão toda de não saber se entra ou sai, eu fico tonto, vomito e desmaio....
 



 

 

Sem comentários: